Críticas e referências, Lusofonia, Narrativa

A verdade como mal menor, de Xosé Luís Martínez Pereiro, por Henrique Marques-Samyn

«Dificilmente seria possível categorizar de maneira definitiva A verdade como mal menor, livro com o qual o escritor galego Xosé Luís Martínez Pereiro venceu a edição de 2008 do Premio de Narrativa Breve Repsol. Trata-se de uma obra composta por 45 pequenos relatos – talvez melhor qualificáveis como breves comentários ficcionais – que versam sobre temas tão diversos como a relação entre o tamanho dos narizes masculinos e o de seus dotes sexuais, o comportamento copulativo da mosca Drosophila melanogaster (popularmente conhecida como mosca-das-frutas) e certas peculiaridades picantes de franceses ilustres; não obstante, essa pluralidade discursiva é atravessada por uma problematização subjacente – que, como talvez a síntese há pouco apresentada tenha deixado transparecer, diz respeito sobretudo à sexualidade […] ».

Lea o texto completo no blogue de Henrique Marques-Samym.

Share
Standard