Natal na livraria Carballido

Neste passado Natal tive a honra de participar no recital de poesia da livraria Carballido. Antigo vizinho meu e novo cúmplice na escrita literária, Jesus Carballido tinha me convidado para muito mais do que um lindo recital em companhia de amigos e amantes do livro. A seguir ao recital que partilhamos Xosé Abeal, Pedro Casteleiro, Antón Cortizas e quem isto escreve, pudemos provar algumas variedades de vinho de Betanços elaborado com uma uva da região para mim desconhecida, a «branca legítima», o que foi sem dúvida uma experiência memorável. Já nunca será para mim o vinho de Betanços esse líquido acedo que serve para tingir camisolas na Festa do Caneiros, pois agora fiquei a saber que uma extraordinária beberagem amarela como o sol e fresca como uma fervença nasce nos férteis campos da região. Algo para não esquecer, e mesmo com certeza para comprar o dia em que a lembrança nos conduzir às Bodegas Rilo de Santa Marta de Babio.

Share

Deixar uma resposta