Galiza e Portugal qual fronteira A
Alfredo Ferreiro, Breves, Colaborações:, Colóquios, Lusofonia

Galiza e Portugal qual (quais) fronteira (s)? ~ Debate no Porto

São muitas as interrogantes que uma pergunta assim faz remexer no miolo. Até porque há muito que não posso deixar de pensar “quais as fronteiras da Galiza?”. E não só a respeito de Portugal, essa irmã gémea que se criou sem as tutelas opressoras do colonizador Reino de Castela, mas a respeito do mundo. Porque para emigrar a Galiza não teve fronteiras, mas para crescer orgulhosa de seu corpo e espírito, livre de normas e preconceitos aniquiladores, é que sempre encontrou obstáculos por toda a parte. Há uma questão de psicologia social, se calhar, que talvez deve ser abordada de um novo modo. É isto uma intuição ou uma necessidade deduzida da queda incontestável da sua cultura? Deixo uma versão para as mentes espiritualistas e outra para as racionalistas.

A Galiza precisa de Portugal, porque é nele que se conserva um sangue compatível para uma imprescindível transfusão. Portugal não sei que é que precisa, mas não assumir seu passado galego será reconhecer que existe um trauma ou um problema identitário sem resolver. Hoje sabemos, depois de ser-nos ocultado por séculos sem conta, que a Galiza medieval, a visigótico-sueva, a romana e a celta é um território vivencial transminhoto que só nos corresponde reivindicar se o honramos fazendo-nos merecedores de seu legado. Um tesouro por descobrir, e talvez a chave de um futuro que até agora nos foi vedado. Continue reading

Share
Standard
Alfredo Ferreiro, Breves, Colaborações:, Plástica, Poesia

PAN ~ Encontro e Festival Transfronteiriço de Poesia, Património e Arte de Vanguarda

Por cortesia do amigo António Sá Gué, editor (Lema d’ Origem) e escritor conhecido no âmbito das atividades de Cultura que Une 2016, na Arca da Noe em Vilar de Santos, este ano terei a honra de participar numa das ramas deste extraordinário festival (PDF). Corpos tivéssemos mesmo para acudir a vila salamanquense de Morille (PDF)!

Share
Standard
encontro de poetas terra de outes 2016
Alfredo Ferreiro, Breves, Colaborações:, Poesia

3º Encontro de poetas em idioma galego, na Terra de Outes

Depois de várias tentativas em anos anteriores, enfim pude aceitar participar no evento do amigo Manuel López Rodríguez, em Terra de Outes:

«“Encontro de poetas en Idioma Galego”

Este ano as entidades organizadoras/colaboradoras son Terra de Outes, A Lanzadeira de Alcor e o Concello de Outes.

Trasladamos o acto de Noia a Outes, xa que, consideramos, a contorna na que terá lugar permítenos ampliar o número de actividades.

As actividades serán abertas ao público en xeral, libres e gratuítas e non é preciso estar anotado… agás no recital (reservado exclusivamente para os poetas que teñan confirmado previamente a súa asistencia). En dito recital o público poderá acceder libre e gratuitamente até encher aforo.

Hastag: #encontropoetas2016 Continue reading

Share
Standard
Atmosferas: diálogos poético-musicais
Alfredo Ferreiro, Breves, Colaborações:, Música, Poesia

Atmosferas: diálogos poético-musicais

«A música de Aida Saco Beiroa interaccionará directamente, ao vivo, coas obras poéticas de Sonia Andrade, Pedro Casteleiro, François Davo, María José Fernández, Alfredo Ferreiro, Xosé Iglesias, Antom Laia, Tati Mancebo, Luís Mazás, Teresa Ramiro, Paco Souto e Ramiro Torres».

Share
Standard
cultura que une pontevedra 2016
Alfredo Ferreiro, Breves, Colaborações:, Poesia, Sociedade

Cultura que Une floresce em Ponte-Vedra

cultura que une pontevedra 2016

Depois de ter desfrutado em Vila Real da hospitalidade, a arte e a beleza d@s vila-realenses assim como do bom fazer dos organizadores supra-minhotos, mais um ano, de Cultura que Une, toca-nos acudir ao outro polo do eixo projetado para 2016: Ponte-Vedra. Eis uma mostra do que se mostrará no quadro da melhor irmandade cultural e comercial galego-portuguesa: Continue reading

Share
Standard

Proximamente acudiremos a Alhariz e Vilar de Santos para falarmos da nossa revista palavracomum.com e do último projeto de edição do Grupo Surrealista Galego.Cultura que une: Letras Galegas 2016

Share
Alfredo Ferreiro, Breves, Colaborações:, Colóquios, Lusofonia, Tati Mancebo

Cultura que Une: Letras Galegas 2016

Programa de Cultura que une com motivo das Letras Galegas 2016.

Share
Imagem